novembro 16, 2004

Ausência forçada

Pois é, como se não bastasse a ausência da minha Maomé e a falta de tempo para me dedicar a este canto, o meu computador resolveu convidar uns quantos vírus (um deles bastante competente) para uma qualquer festa privada. Após o devido conserto e alguns problemas técnicos na reinstalação da internet, cá estou eu, ainda que a meio gás... (ainda preciso de fazer uns ajustes neste maldito pc; até o blog me aparece com uma configuração bem diferente da habitual).
Seja como for, é bom estar de volta.